sábado, 29 de março de 2014

Estupro - lei 12015


verbo de ligação + vídeo





VERBO DE LIGAÇÃO...
Rasga a lista de verbos de ligação que seu professor lhe deu(ela pode te fazer perder a questão do concurso)...lembra: ser, estar, permanecer, continuar, ficar, etc.
Um verbo de ligação deve, obrigatoriamente, ligar o sujeito ao seu PREDICATIVO.(predicativo é aquilo que não pode ser separado do sujeito...exemplo: João é feliz.... Feliz é uma coisa que está dentro de João...logo, feliz depende de João para existir...)
Olha como a lista pode te enganar:
João está feliz (verbo de ligação=ligando João ao seu predicativo)
João ESTÁ na sala (ESTÁ = verbo intransitivo; NA SALA= adjunto adverbial de lugar)...
sendo assim, ESTÁ NA SALA é onde João está, não o que está dentro de João; logo, não há que se falar em PREDICATIVO DO SUJEITO, MUITO MENOS EM VERBO DE LIGAÇÃO.
O que determina o tipo do verbo é o contexto...veja os exemplos:
João VIROU a mesa = Verbo transitivo direto
O barco VIROU = Verbo intransitivo
João VIROU polícia = Verbo de ligação
Hércules de Souza Viler

domingo, 23 de março de 2014

Marco Civil da Internet - "Eles" querem calar o povo...


O governo percebeu que a internet tem o poder de  mostrar realidades e divulgar provas, mudar opinião de eleitores...
O governo não se preocupa com a internet, como querem dizer, o governo se preocupa com ele mesmo...
O governo não fiscaliza a TV aberta ou fechada...
De repente, o governo se preocupa em regular a internet ... censurar!
mas não censurar com bons motivos,
censurar para se beneficiar! 
AGORA, TODOS TEMEM A INTERNET!
PORQUE AGORA TUDO CAI NA REDE!
CADA ESCÂNDALO...
CADA FALCATRUA...
A VERSÃO DE QUEM ESTAVA NO LOCAL E FILMOU COM SEU TELEFONE, CONTRADIZENDO A VERSÃO "OFICIAL" ou "Global"...
TUDO APARECE NA HORA, RÁPIDO E PARA O MUNDO...
O GOVERNO SE DESESPERA...
**** quando as campanhas começarem, vamos fazer a contrapropaganda ***
***** vamos dizer que Renan Calheiros destrói o Brasil... ******
*****que a família Sarney é um cancro nacional... ******
*********** E MUITAS OUTRAS COISAS
poeta moderno

sexta-feira, 21 de março de 2014

GOVERNO MUNICIPAL - secretarias e cargos





Sempre se veem publicações eloquentes, acaloradas, tresloucadas; a respeito da polícia, da zona azul, da multa que levamos - coisas que a justiça tem poder para resolver...
Enquanto isso, os vereadores NÃO eleitos OCUPAM  uma secretaria, chefia, diretoria na SEDE do município - e ninguém diz nada...
Democracia é vontade do povo, se o povo não quis aquele candidato na vida pública, e "alguém" o colocou lá, não vivemos em uma democracia...
MAS VAMOS CONTINUAR PREOCUPADOS E IRRITADOS COM COISAS NOSSAS, DAS NOSSAS FALHAS DE CADA DIA.

Cleptocracia - modelo de governo do Brasil


quarta-feira, 19 de março de 2014

quarta-feira, 12 de março de 2014

terça-feira, 11 de março de 2014

Vocativo - para que serve o vocativo

Eu sei que sua professora ensinou que não se pode separar sujeito de predicado
mas era exatamente para você entender que se há vírgula, há um vocativo ou um aposto...

Desmilitarização das PM, JÁ ! (?) - PEC 102 e PEC 430




A quem interessa a desmilitarização das polícias militares?
A polícia é tão militar quanto pensamos?
Qual a vantagem de ser militar?

As perguntas ecoam em todos os cantos do País, será?

Não te vou dizer muita coisa, apenas lembrar que o militar não pode fazer greve, segundo a Constituição Federal;
Que à polícia militar sobra apenas a disciplina e o respeito hierárquico militares;

Que, se pensarmos em números, existe um estado de guerra civil em algumas cidades do Brasil - só em São Paulo, foram assassinados mais de 380 policiais em 2013 (assassinados);

Repara,
Imagine uma polícia não militar em greve por tempo indeterminado - e se tirar  o nome militar da polícia, ela melhora? 
e os órgãos e outras polícias não militares são bons exemplos a serem copiados? 

lembrando que todo militar veio do mundo civil e trabalha no mundo civil e se relaciona com civis e vive civilmente, na sociedade civil...

Talvez, digo eu, o único que sai ganhando com a desmilitarização é o próprio militar - ou nem ele.

Com a palavra
Coronel Tedeschi
Para o coronel reformado da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e ex-secretário de segurança do DF, Jair Tedeschi, entre os militares, a posição é outra: a ideia de desmilitarização policial é uma “falácia”, defende. “O que querem é quebrar a disciplina e a hierarquia que existe em qualquer organização. Não é porque a polícia é militar que age puramente como militar. A função dela é civil. As suas bases de disciplina e hierarquia que são militares". O coronel avalia ainda que "o policial militar de hoje sabe distinguir quem tem direitos e deveres. Na rua, é obrigado a tomar decisões”, observa.

A formação atual do policial, segundo o coronel Tedeschi, abrange o conceito de humanização. “Hoje a polícia é completamente diferente, isso foi na década de 1960. As academias ensinam segurança pública. Desde 1988 a polícia vem mudando a sua maneira de agir. Ela está na rua, não nos quarteis. Ela interage com a sociedade, não cumpre a lei porque tem que simplesmente cumprí-la, mas age da forma mais democrática possível”, avalia o coronel Tedeschi. Para o coronel, "desvios de comportamento ocorrem em condições isoladas em vários grupos. Na situação atual não vemos isso só na Polícia Militar, mas também na Polícia Civil e em outros segmentos não militares", aponta.

Atualmente, dois projetos de Emenda à Constituição (PEC) circulam no Congresso Nacional em defesa da desmilitarização da polícia. A PEC 102, de 2011, de autoria do senador Blairo Maggi (PR/MT), autoriza os estados a desmilitarizarem a PM e unificarem suas polícias.” Ela não faz especificamente a unificação e a desmilitarização, mas autoriza que cada estado federado possa fazê-lo caso julgue necessário”, explica Vianna. A PEC está em tramitação no Senado. 

Já a PEC 430, de 2009, em tramitação na Câmara dos Deputados, visa a unificação das polícias Civil e Militar dos Estados e do Distrito Federal, além da desmilitarização do Corpo de Bombeiros, bem como dá outras funções para as guardas municipais. A proposta é de autoria do deputado federal Celso Russomanno (PP-SP).

segunda-feira, 10 de março de 2014

Casamento Gay

será que nós outros
os héteros somos quem deve opinar sobre o relacionamento dos gays?
ou será que os gays vão deixar de ser gays porque não concordamos com eles...

sábado, 8 de março de 2014

Carta ao Prefeito de Santa Efigênia de Minas

Senhor Prefeito,
o estado democrático de direito exige que os poderes estabelecidos cumpram a legislação em vigor; desde a Constituição Federal até a Lei Orgânica do Município.
Cabe recordar que os crimes praticados pelo executivo pode acarretar cassação do mandato ou a sua perda.
Não basta, Senhor Prefeito, gozar dos benefícios do cargo público, as obrigações legais são de igual modo necessárias para manutenir o mandato.
Um homem eleito pelo sufrágio universal do voto de uma cidade precisa ser o exemplo para os munícipes daquele lugar, ou seja, deve ser um espelho para a sociedade local e um exemplo para cada cidadão de Santa Efigênia de Minas.
Cabe ressaltar que todo ato vil contra os responsáveis em manter a ordem e guardar o município, será levado à justiça e o senhor será responsabilizado no que lhe couber.
Necessário se faz dizer que, além de outros órgãos competentes, a Assembleia Legislativa está com os olhos voltados para a sua administração.
Sem mais para o momento,

Poeta Moderno


quarta-feira, 5 de março de 2014

Polícia prende prefeito de Sta Efigênia de Minas

Sempre se diz que a polícia é violenta...
diz-se que a polícia agride os manifestantes...
reclama-se do gás pimenta...
e apimenta-se a discussão...
e eis a minha interrogação...
- não se gosta de polícia?
mas todos querem a polícia...
todos reclamam da falta de polícia...
e da falta de policiamento...
 eu não entendo...
-gosta-se da polícia
ou não?
(parece que a polícia é o guardião)...
repara,
a polícia vai aonde ninguém quer ir...
a polícia luta contra a própria regra da evolução
quando deveria correr do perigo
corre para o perigo...
e eu me intrigo...
- o que se quer a polícia então?
aparece uma briga, chama a polícia...
vai fazer uma festa, chama a polícia...
quer dormir, chama a polícia...
futebol, só quando a polícia chegar...
e quando o jogo acabar, chama a polícia...
REPARA UM POUCO MAIS...
CHEGA UMA VIATURA COM DOIS POLÍCIAS EM UM BAR COM 50 PESSOAS...
COLOCA-SE NO ESTÁDIO 60.000 TORCEDORES E 1000 POLICIAIS...
SOMA-SE A ISSO
CARNAVAL,
FESTAS,
TRÂNSITO,
SHOWS,
FESTIVAIS...
E POR AÍ VAI...
A POLÍCIA É SEMPRE MINORIA...
MINORIA MESMO...
mas eu volto a pergunta retórica...
porque a polícia faz o que faz?...
a resposta não é complicada...
está tipificada no artigo 144 da Constituição Federal...
"é dever da polícia ostensiva a preservação da ORDEM PÚBLICA"
via de regra, o policial usa a força necessária...
agressão é jogar uma pedra no policial...
e o pior é saber que crimes contra o policial em serviço é como qualquer outro crime...
TALVEZ VOCÊ NÃO QUEIRA CONCORDAR COM ISSO...
TALVEZ VOCÊ NÃO GOSTE MESMO DA POLÍCIA...
E COM CERTEZA VOCÊ VAI CONTINUAR PRECISANDO DA POLÍCIA...


E A POLÍCIA CONTINUARÁ TENTANDO DEFENDER SEUS DIREITOS INDIVIDUAIS... MESMO VOCÊ NÃO GOSTANDO...

segunda-feira, 3 de março de 2014

a menina da minha infância não envelhece

No reino das lembranças, Cronos não impera ...
não há aumento de peso,
não há estrias,
não há rugas surgindo,
peitos caindo...
Morpheus reina soberano no mundo das lembranças...
no reino de Morpheus, o tempo não passa...
tudo fica no mesmo lugar,
mesmo que Cronos nos lembre de que faz muito tempo...
Hipnos abre as portas para o reino de Morpheus...
e vasculhamos as lembranças e percebemos que o tempo não mexeu em nada...
está tudo como sempre foi...
Pena não poder ficar mais tempo no reino de Morpheus...
Pena ficar à mercê de Cronos que nos leva a juventude, a vida...
Mas Morpheus sempre estará lá, de braços abertos para nos levar de volta ao mundo que Cronos nos tirou...




carnaval no Rio - Salvador ... cuidado


sábado, 1 de março de 2014

O mundo paralelo da internet ... você é brabo?

De repente todos ficaram inteligentes...

De repente todos ficaram valentes...
Ficaram todos apaixonados...
bonitos... elegantes... famosos...
De repente o mundo virou outro mundo...
e Todos contra Todos...
contra tolos...
todos bobos!
filósofos sem conhecimento,
sem investimento,
sem cultura...
sem censura...
censuradores!
De repente a literatura sucumbiu...
A genitora que pariu 
uma rede de analfabetos...
entrelaçando o mundo...
(o mundo dos ignorantes)...
De repente todos são escritores...
atores, leitores...
em uma língua que nunca existiu...
De repente! Hércules  Víler

Poema com a letra M de Chico Anysio

Monólogo Mundo Moderno

E vamos falar do mundo, mundo moderno
marco malévolo
mesclando mentiras
modificando maneiras
mascarando maracutaias
majestoso manicômio
meu monólogo mostra
mentiras, mazelas, misérias, massacres
miscigenação
morticínio, maior maldade mundial
madrugada, matuto magro, macrocéfalo
mastiga média morna
monta matumbo malhado
munindo machado, martelo
mochila murcha
margeia mata maior
manhazinha move moinho
moendo macaxeira
mandioca
meio-dia mata marreco
manjar melhorzinho
meia-noite mima mulherzinha mimosa
maria morena
momento maravilha
motivação mútoa
mas monocórdia mesmice
muitos migram
mastilentos
maltrapilhos
morarão modestamente
malocas metropolitanas
mocambos miseráveis
menos moral
menos mantimentos
mais menosprezo
metade morre
mundo maligno
misturando mendigos maltratados
menores metralhados
militares mandões
meretrizes marafonas
mocinhas, meras meninas,
mariposas
mortificando-se moralmente
modestas moças maculadas
mercenárias mulheres marcadas
mundo medíocre
milionários montam mansões magníficas
melhor mármore
mobília mirabolante
máxima megalomania
mordomo, mercedez, motorista, mãos
magnatas manobrando milhões
mas maioria morre minguando!
moradia meiágua, menos, marquise
mundo maluco
máquina mortífera
mundo moderno melhore
melhore mais
melhore muito
melhore mesmo
merecemos
maldito mundo moderno
mundinho merda!
    Chico Anysio

Donos do poder no Brasil